Buscar
  • Marcelo

MAPEAMENTO | 10 Passos para Mapear um Processo


Mapeamento de processos é uma ferramenta gerencial que busca identificar todas as operações deste processo, com o objetivo de atender aos requisitos dos clientes.

O mapeamento é uma forma de gestão e organização desses processos, que são pontos-chave do funcionamento de uma empresa, de forma a torná-los mais eficazes. O mapeamento de processos, então, visa estabelecer de forma organizada e eficiente as atividades que sustentam uma empresa, priorizando e classificando essas tarefas.

O mapeamento de processos tem o papel tanto de identificar os processos existentes como de desafiá-los, de forma a criar instrumentos de melhoria para o desempenho da organização que adota tal técnica. Enquanto análise estruturada, o mapeamento possibilita a redução de custos no desenvolvimento de produtos e serviços, traz à tona as falhas de integração entre sistemas, e promove o melhor entendimento dos processos utilizados, para que eles sejam simplificados ou substituídos, caso haja necessidade. Mais uma vez, o mapeamento de processos é esclarecedor e possibilita a inovação.

10 Passos para Mapear um Processo

Passo 1: Identificar os objetivos do processo

Passo 2: Identificar as saídas do processo

Passo 3: Identificar os clientes do processo

Passo 4: Identificar as entradas e componentes do processo

Passo 5: Identificar os fornecedores do processo

Passo 6: Determinar os limites do processo

Passo 7: Documentar o processo atual

Passo 8: Identificar melhorias necessárias ao processo

Passo 9: Consenso sobre melhorias a serem aplicadas ao Processo

Passo 10: Documentar o processo revisado

A MLK Consultoria, pode lhe auxiliar no mapeamento de seus processos e identificar oportunidades de melhorias para alcançar resultados rentáveis ao seu negócio.


16 visualizações

© 2018 por MLK Consultoria | Marcelo Luis Kortz